Notas para pensar 13 de março

15 Mar

Sobrou para Aécio, para Geraldo e para Marta (que não assume que foi escorraçada, nem vendo o vídeo). E isso aconteceu porque há sim um mito sendo construído, e ele é Bolsonaro. E, para sobreviver, fertiliza o medo do outro: cria inimigos, o pobre, o negro, gays, lésbicas, mulheres que trabalham fora, nordestinos, numa lista tão interminável quanto sua capacidade de produzir e reproduzir ódio

Por Adriana Dias*

bolso3

Ainda não em maioria, mas em franca ascensão a extrema direita deu o tom das manifestações de 13 de março. A Tucanisland da Fiesp levou trio elétrico, levou cover dos Beatles, e levou muita vaia: seus blindadíssimos candidatos foram expulsos: sobrou para Aécio, para Geraldo e para Marta (que não assume que foi escorraçada, nem vendo o vídeo). E isso aconteceu porque HÁ SIM UM MITO SENDO CONSTRUÍDO, E ELE É BOLSONARO. Em segundo lugar nas listas de presidenciáveis, apresentado como “solução moral” para os problemas do Brasil contemporâneo.

Anúncios

Comente-me!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s