Tag Archives: música

Chico e as Mulheres

10 Jan

Chico devorou em sua esfinge um lírico feminino: revela mulheres e seus sentimentos: quer seja Joana Francesa, ou Ana, Bárbara ou a Rita, quem não gostaria de ter sido chamada para a valsa até o dia amanhecer em paz? Todas nós, nos encontramos em Chico, e por isso, essa playlist tem um pouco (ou muito) de nós todas: Chico e as Mulheres

Homenagem!

6 Set

Recebi do Michel. Amei.

Cartola: As rosas não falam

28 Ago

Direto do túnel do tempo!

para que maio seja melhor…

1 Maio

Começando maio, nosso amado Gegê já foi inocentado, #lutarnãoécrime. Então, vamos começar com Chico Cesar, irmão do Gegê, e da luta!

Beijos coloridos em todos!

Terça é dia de boa música!

12 Abr

 

 

Dona da Minha Cabeça

Composição : Geraldo Azevedo / Fausto Nilo

Dona da minha cabeça ela vem como um carnaval
E toda paixão recomeça, ela é bonita, é demais
Não há um porto seguro, futuro também não há
Mas faz tanta diferença quando ela dança, dança

Eu digo e ela não acredita, ela é bonita demais
Eu digo e ela não acredita, ela é bonita, bonita
Digo e ela não acredita, ela é bonita demais
Eu digo e ela não acredita, ela é bonita, é bonita

Dona da minha cabeça quero tanto lhe ver chegar
Quero saciar minha sede milhões de vezes, milhões de vezes

Na força dessa beleza é que eu sinto firmeza e paz
Por isso nunca desapareça
Nunca me esqueça, eu não te esqueço jamais
Eu digo e ela não acredita, ela é bonita demais
Eu digo e ela não acredita, ela é bonita, bonita
Digo e ela não acredita, ela é bonita demais
Eu digo e ela não acredita, ela é bonita, é

Beijos coloridos em todos!

Rita, para animar o domingo!

20 Mar

Neste post, quero falar da Rita, a paulistana, eterna Rainha do Rock, a mais completa tradução (segundo o Caetano) de Sampa. Embora eu esteja horrorizada com a despostura política do Caetano, a afirmação a respeito de Rita é perfeita. Na música da Rita sempre vi a minha “eternal girl” da metrópole, que sonha com amores repleto de luxúria, enquanto sai por aí, lançando perfume. Em Rita o fluxo sexualidade e romance é perfeito, basta ler Amor e Sexo para se dar conta. Como se pia (Rita Amaral, eternal girl!) em tempos de Twitter, #FATO. Amor é prosa, Sexo é poesia… E, para manter a mente sã, precisamos de ambos.

Eu ganhei, há meses, do Chico amado, a biografia da Rita em três dvds. É o máximo.

Rita é uma viagem para a toca do coelho. Você não ouve? Ouça e perca-se. No mundo das ritaleevilhas.

Beijos coloridos em todos!